Notícias‎ > ‎

Adiado o FENEX Salvador

postado em 3 de jan de 2009 07:35 por Yuri Oliveira   [ 4 de jan de 2009 07:49 atualizado‎(s)‎ ]

O FENEX - Fórum de Executivas e Federações de Curso, que aconteceria nos dias 20 e 21 de dezembro último foi adiado. Ainda será divulgada a nova data, mas existem dúvidas sobre quando e onde acontecerá. O previsto é a segunda quinzena de janeiro.

 Uma das propostas é que aconteça em paralelo à VI Bienal de Cultura, que também será em Salvador nos dias 20 a 25 de janeiro. A informação vem do representante da Coordenação Nacional dos Estudantes de Psicologia (CONEP), uma das executivas responsáveis, Marcelo Tourinho, quando procurado por um dos diretores da FeNEA. "Será uma forma de potencializarmos a participação dos estudantes de todo país no Fórum" - diz Marcelo por telefone, pontuando que a bienal é o principal motivo da mudança.

 Outra proposta seria do acontecimento do FENEX não em paralelo à Bienal, e sim ao Fórum Social Mundial, em alguns dias entre 27 de janeiro e 1º de fevereiro de 2009, e na cidade de Belém do Pará. Talvez fosse até mais coerente, se a mudança não fosse tão destoante à deliberação em Vitória – ES.

O impasse deverá ser resolvido até dia 10 próximo.

Aos "feneantes" que ainda não então por dentro da pauta, a noticia pode chegar como possibilidade de busca ao conhecimento. Vale ressaltar que há pontos muito relevantes para os estudantes de arquitetura: como o balanço do boicote ao ENADE, que foi executado "ontem" na arquitetura e urbanismo, o aprofundamento das discussões sobre as universidades pagas, ou a Campanha Contra a Criminalização dos Movimentos Sociais, visto que inclusive a FeNEA discute a criação de uma diretoria relacionada a esse último ponto.

A manifestação sobre as Fundações Estatais de Direito Privado merece muito destaque. Segundo
Sara Granemann, doutorado pela UFRJ, professora da ESS/UFRJ, a educação também poderá ser atingida na reforma, o que deverá afetar os paradigmas do movimento estudantil mais veementemente, principalmente nas públicas.

Importante também será a discussão sobre a reorganização do movimento estudantil, algo bem conjuntural. O FENEX deverá fazer uma discussão mais ampla, incluindo provavelmente uma redefinição ou reafirmação do seu papel no movimento, bem como o posicionamento – ou não – sobre a criação da nova entidade.

Mais informações chegarão posteriormente através das regionais, e-groups ou aqui no site mesmo.

Ċ
Yuri Oliveira,
3 de jan de 2009 07:48
Comments